quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Judiciário comedor

                        
Foram cortados dois salários dos parlamentares federais.De ambas as casas. Ainda restaram dois além dos doze anuais: um quando o cara toma posse e outro quando termina seu mandato.Isso bastou para surgir notícia, dando conta de verba de alimentação do judiciário, anual, sem prestação de contas,beirando os noventa mil reais.

Minha convicção é que este país não será uma grande nação com esta gente que ocupa seus poderes constituídos.Até a Eliana Calmon, gestora de reformas na área judiciária, recebeu a verba sem reclamar.Fala pelos cotovelos e se acha.Deve ser gente boa porque inteligente ela é. Como tal, conduz o carro  pela estrada que lhe apetece e tem os aplausos. É assim que funciona para os espertinhos.


Enquanto essa gente fala em miles e milhões, o governo pretende tirar da miséria absoluta dois milhões de pessoas, dando doze reais por mês!

E, onde eu fico?


Não sabe do que escrevi? Então KLIKA


2 comentários:

Fábio Mayer disse...

No Paraná, cada desembargador tem à sua disposição um motorista e um Renault Fluence 0 km para uso irrestrito, ou seja, pode mandar o motorista pegar o cão no pet-shop ou levar seus filhos na natação.

Além disso, todos os magistrados ganham uma verba anual de R$ 500,00 para comprar livros, como se a profissão deles não dependesse disso.

E ainda foi aprovado há pouco tempo um auxilio alimentação, para que ops fóruns e o TJ adquiram frutas para o cafezinho da tarde...

Maria Inês disse...

Nós ficamos na classe dos otários que ainda acham que este país tem jeito. Ficamos no meio daqueles que não sabem votar e colocam no poder um Calheiros e cia ltda. È triste ler essas notícias . Mas o que fazer? Votar em quem não faz parte da corja? Votamos e logo que tomam posse passam a ser igual as outras hienas .Veja o caso do Aécio. Era a esperança como representante de Minas no senado. Bastou tomar posse sumiu. Vive em Paris onde a família tem apartamento ou em Dubai onde é sempre visto por quem vai para lá. E quer ser presidente? Nunca fez nada por Minas. È igual o avô: só sabe falar. Tem uma verborreia fantástica. Ah!! ele não rouba , dizem os alienados. Vai Saber....