quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Lula , o cancer e as novidades

                             
Com o episódio do cancer de Lula e o fecha que estão fazendo sobre  ele, caiu minha ficha para outro semelhante.

Meu avô Vicente teve cancer na laringe, aos cinquenta anos, quando morava em Pium-y, Minas Gerais. Sua família foi uma das fundadoras da cidade.Vovô  foi estudar medicina no Rio de Janeiro, entre o fim e começo dos séculos 19 e 20, porque seu pai, Chico Ferreira, fundara a Santa Casa e precisava de um médico.Minas Gerais não tinha escola de medicina. Durante muitos anos foi o único médico na região. Seus filhos nasciam em cidades diferentes. Meu tio nasceu um dia após chegarem a Pium-y, a cavalo. Meu pai nasceu em Bambui. Uma cama  foi parar lá em casa e tinha escrito Guia Lopes. Até hoje minha atenção é despertada quando ouço falar em Pains e Formiga.Quando passa  Bambui no anúncio da Globo admiro-me de papai não ter nos levado lá para conhecermos aquela belezura tão barroca. Ele alfabetizou minha avó e todos seus  oito  filhos, antes de mandá-los para estudar em Formiga e São João del Rey. Era meu avô quem fazia as autópsias, os discursos, os partos, os atendimentos aos leprosos, abundantes na região. Na gripe espanhola ele chegava em algumas casas onde todos haviam morrido. Nunca pegou nenhuma doença. Minha prima disse-me um dia, que soubera, ter sido uma fera e autoritário. Por cobrar pouco ou nada, recebia um Nossa Senhora lhe pague, Deus lhe pague, como pagamento.Já vetusto, com filhos bem criados e saúde , quando alguém se espantava ele dizia que era Nossa Senhora fazendo o seu pagamento.Às vezes, quando alguém me faz um grande favor e não me cobra nada, eu conto esta parte da vida do meu avô.Seu filho, mais velho,foi político e papai dizia bastar um bilhetinho do vovô para elegê-lo.Deve ser verdade porque quando titio virou comunista e vovô não pediu votos para ele, ele perdeu as eleições e sumiu da política.    Meu primo Vicente  (também) escreveu um livro sobre ele e deu o nome de Vovô Xará.

Pois bem , quando ele teve cancer na laringe e teve que se mudar para Belo Horizonte para fazer tratamento, seus inimigos caíram sobre ele como abutres.Escreveram artigos medonhos no jornal da cidade, babaram na gola seus venenos como hoje fazem com Lula. Então, vovô escreveu um livro em resposta no estilo J'e acuse , a resposta de Victor Hugo aos seus inimigos.

A mesquinhez da oposição sobre Lula, fez cair a ficha do que ouvi na minha infância e toda a extensão e falta de novidades. A humanidade é a mesma, nada mudou sob o céu de Abrantes.

6 comentários:

Maria Eugênia disse...

O Doutor Vicente vai ser homenageado no Conselho Regional de Medicina/MG neste mês de novembro/2011.
Agora quanto ao clareamente, o meu avô não era favorável... chegou até me explicar o porquê, detalhando as consequências deste processo. Fiquei tão impressionada na época com as explicações que não tenho coragem de fazê-lo até os dias atuais.

tony disse...

toda a repercussão tem sido um exemplo da pequeneza humana e, especialmente, da aguda hipocrisia coletiva em nossa nação, que com mais vozes e mais ouvidos [graças a democratica - e estranha - internet] nos mostra que a "massa" não é uma só. E tem várias bandas podres, em diversos sentidos.

Da dupla e a briga, apenas um desentendimento entre irmãos, o resto é circo e quase uma falta de assunto. Por outro lado, uma oportunidade excelente para jogar uma cortina de fumaça sob as suspeitas no Aldo Rebelo...

Nanda disse...

Magui, como você bem sabe, não sou exatamente uma fã de Lula; mas com doença, não se brinca. Polêmicas a parte; depois de tudo que aconteceu; me fiz a seguinte pergunta. Ao sugerir que o ex-presidente se trate no SUS, o maior desrespeito foi com ele - que obviamente terá os melhores tratamentos/médicos disponíveis ou com os milhões de brasileiros que precisam e dependem exclusivamente deste serviço? E sobre gratidão; é algo tão raro; mas sempre necessário. Beijos.

Moita disse...

Magui

Obrigado pela força. As pessoas, de fato, inteligentes percebem genialidades em coisas que nem parecem possuí-las. Zé da Luz parece um "matuto" aos olhos de muitos leitores. Entretanto é um gênio. E gênio é outra coisa.

Sorry. Estive doente e internado por vários dias. Tou ótimo, agora.

Tou com um problema. A moita não me deixa mais publicar nada. Eu faço um artigo e mando publicar. Ela resolve publicar nos rascunhos. E eu não sei como resolver isso.

Peço ajuda. rssssss

1 Cheiro

Maria Eugênia disse...

Lembrei-me: segundo meu avô, o clareamento destrói o esmalte do dente.

Engraçadinha disse...

Eu li esse post e fiquei sem palavras.
Bjão.