quinta-feira, 6 de março de 2014

Tarados no Terra

                               
       
O portal Terra está impossível de acessar. Além de anúncios pipocando, tornou-se revista masculina ou rua de meretrício. Só tem mulher pelada, chamadas pejorativas à mulher, incentivo às taras sexuais masculinas. Tornou-se uma vitrine de prostitutas disfarçadas de sambistas.
Não há respeito a nada. Jornalistas  tornaram-se veículo de difamação da mulher brasileira. Jogam na mesma vala todas as brasileiras como se fôssemos todas  instrumentos da lascívia masculina e exposição das distorções de personalidade de uma sociedade vagabunda.

Quem está por trás disso? A quem interessa isso? O que temos com um carnaval licencioso com exposição das uraques e das satos  da vida, sabendo que são todas esquizofrênicas, sem exceção. Como pode uma sociedade aturar essas exibicionistas, jogadas na nossa cara? E, quem não participa, tem que aturar o portal Terra, jogando isso na nossa cara como se fossem bostas fedorentas ? 

Não basta evitar acessar o portal Terra.  Quero protestar! É um absurdo essa indecência. Não estou comprando revista masculina que , por si só, é uma afronta. Que assumam querer denegrir a mulher brasileira .Que assumam o prazer em ler, no estrangeiro, que aqui só tem vagabunda. Quem banca isso?

No portal Terra só tem cafetão disfarçado de jornalista. Como se portal da internet precisasse de jornalista para escrever e publicar qualquer coisa que lhes dê na telha. São pessoas com seus princípios  a ofender as outras mulheres diferentes das que os criaram.
E, justo no dia em que se comemora o Dia internacional da Mulher.

São uns perros de pantalonas !

3 comentários:

Fábio Mayer disse...

Parei de acessar o Terra já faz tempo, simplesmente não havia um dia sem alguma matéria estúpida de cunho sexista tomando espaço do que deveria ser de jornalismo de verdade. É um portal MACHISTA ao ponto de dar nojo!

Luciano Gomes disse...

Em casa o PC tá bloqueado para acesso ao Portal Terra.

J.F. disse...

Magui, você está totalmente certa. É o mais puro e absoluto cretinismo imaginar que a população brasileira precisa dessas matérias. Esse portal é um nojo. Não merece ser visto por ninguém. É machismo desvairado.