quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Caio Castro tem razão

                            

O ator de novelas da Rede Globo, Caio Castro disse que não gosta de teatro e literatura. Artistas vetustos o chamaram de ignorante, anta e desinibido e clamaram pela necessidade de calar o rapaz.

Essa mania de querer proibir a fala das pessoas que não remam na maré da moda, dos politicamente corretos, dos que se recusam a repetir catecismos decorados  é que precisa ser contestada.

Basta! Em uma semana querem calar uma jornalista que não é da panela , na outra o ator que não gosta de teatros, paraíso dos anti claustrofóbicos ou  dos palcos remendados e terra livre para canastrões.

O teatro é do tempo quando não havia luz elétrica ou outra coisa para fazer  e, portanto, as outras formas de arte  que esta permitiu. A maioria dos atores não trabalhou em teatros. Uma porcentagem mínima no mundo foi a teatro. Conheço  artistas da arquitetura e da pintura que consideram o teatro coisa de museu, insuportável.

Eu já fui muito a teatrinho provinciano e Vera Viana foi minha conhecida para encontrar patrocinadores por suas peças contemporâneas, retratando os dias na atualidade imediata. Com o tempo, ninguém sai de casa para ir a teatro, arremedo de filmes e novelas, enfrentar trânsito, gente ruim e trabalho no dia seguinte.

Caros opositores a Caio Castro: - Ele tem razão. O mundo mudou e os novos tempos trazem mais vivacidade, mais cores e mais conforto na telonas da nossa casa. O resto é museu perdido no tempo e quem gosta, parabéns... Mas a patrulha não pode prosperar.

Da notícia? KLIKA

Um comentário:

Engraçadinha disse...

Adorei o post, magui. Mais ainda por vc respeitar a linerdade de expressão alheia.
Bjs.