domingo, 13 de dezembro de 2015

Para papai, onde estiver

                  - Vejam uma vez, somente para reparar nos pés dele.

Papai gabava-se de ter dançado tango com uma artista argentina no Cassino de Belo Horizonte. Ela veio fazer um show e ele teve a cara de pau de chamá-la para dançar. Parou o baile e foram aplaudidos no final.Tinha pouco mais de vinte anos. 
Papai dançava tango comigo na sala de nossa casa. Ensinava os passos e dizia que, para dançar bem, tinha que dançar todos os dias.

Esse dançarino me lembra papai...

Em sua homenagem !
Saudades, papai !

Um comentário:

Maria Inês disse...

Saudades mesmo!!!! Aprendi com ele a dançar valsa e bolero. MARAVILHA ver estes dançarinos. Tocou meu coração e me fez viajar até Buenos Aires( cidade que amo).