quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Dia do advogado

                  
Comemora-se em 11 de agosto o Dia do Advogado. Em São Paulo tem a péssima tradição de grupos deles entrarem em restaurantes, comerem até empaturrar-se e sair a socapa, sem pagar. E, acham isso o máximo. Lembra-me as tradições da novela Sila onde matam quem contraria o Chefe da vez e ninguém muda porque é Tradição. Mal comparando, é tudo tradição onde um leva vantagem e o outro prejuízo.

Para pior, com um judiciário com passos de tartaruga, ainda é feriado judiciário. Tudo para. Tudo fechado. Que pare o mundo, é Dia do Advogado. Ora, façam-me o favor! 

Vi um baner no Face mostrando um homem abrindo a camisa como Super Homem e os dizeres: Onde tem treta tem advogado.

Esses dois fatos mostram até onde é capaz de chegar um advogado. Quanto mais escolas de direito abrem mais vagabundo aparece. E, imagine se não houvessem as provas da OAB.

Muitos indivíduos mal formados, sem receber, no seu curso, uma frase de ética profissional acham não, tem certeza que ser advogado é ser espertinho a resolver ou criar tretas. O resultado enchem as prateleiras dos foruns com ações que poderiam ser resolvidas em uma conversa de telefone. Mas o advogado não pode perder a chance de ganhar unzinho.

Eu não sei o que seria da minha vida se eu não fosse advogada. Dos outros? Nem para amigo. Porque quando eu era mocinha e um rapaz dizia que era estudante de direito minha conversa acabava ali.

Porque sou advogada? Deve ser para pagar Karma de outras vidas. Isso é uma incógnita que eu não tenho resposta e me interrogo todos os dias. Tenho o desprazer de conhecer os pilantras e estúpidos prontos para dar nó em pingo d'água só para se fazer de importante. Mas garanto, pouco contribuem com a profissão para fazer uma nação brasileira melhor. Se tem capacidade pra isso não advogam e usam seu conhecimento em outras áreas.

O advogado, na verdade, é um despachante gabaritado e nada mais.

Desculpem mas tenho visto advogado ordinário demais e não estou para fingir que a profissão é o que se prega.


2 comentários:

FABIOTV disse...

Olá, tudo bem? No passado (não tão longínquo), a mídia sempre falava dos advogados e estudantes de Direito que faziam farra nos restaurantes aqui em São Paulo.. Não pagavam a conta.... Isso sumiu do noticiário..Sinai dos tempos... Bjs, Fabio www.tvfabio.zip.net

Micha Descontrolada disse...

Disse tudo. Tem gente que só quer tirar vantagem de tudo. Absurdo!

Beijossssssss
┌──»ʍi૮ђα ツ