quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Mais uma conta para o povo pagar

- Acabar com isso e dar exemplo de honra ninguém quer
                             

O STF  decidiu que o estado tem que pagar a cada preso de cadeia superlotada e indigna a quantia de dois mil reais, a título de indenização. Só não disse como e nem de onde  tirar. Uma quantia fixa que pode não valer nada daqui uns anos. 
Não é isto o que interessa mas a certeza daquele pessoal que dinheiro dá em árvore e o blá-blá-blá intelectual é coisa séria. Divagam, viajam, navegam na nuvem do nada como se fossem as maiores inteligências desse país. 

Como eles ganham fortunas vindas do dinheiro do povo, não tem noção do quanto custa. Não passou pela cabeça dessa gente que a responsabilidade de fiscalizar é do judiciário em primeiro lugar. O povo que sofre na mão da bandidagem ainda tem que pagar por incompetência dos mesmos venais de sempre e que compõem os poderes da nação. É fácil criar teses, difícil é importar-se com o blá-blá de intelectual. Uma casta que paira acima da nação e só pensa no deles. A responsabilidade na construção da nação é zero.

Fazer planejamento da população, dar escola e exemplo de honra ninguém pensa. O bolso de quem gera emprego e renda e os impostos pagos a 45 % para o estado, por  uma população explorada à exaustão por essa casta imunda, não é levada em conta.

Essa gente que ganha acima do teto constitucional, mora em apartamentos funcionais e tem subsídios até para escola de filhos, é a razão direta do Brasil ser um país injusto, pobre e atrasado.

São uns loucos...

Nenhum comentário: